Após 30 anos, Coronel Sturaro pede desculpas a Luiz Caldas por conflito entre folião e PM no Camaleão

O coronel da Polícia Militar Humberto Sturaro pediu desculpas ao cantor Luiz Caldas por um conflito que ocorreu no bloco Camaleão há 30 anos, em entrevista hoje (28) à Rádio Metrópole. 

Sturaro diz que, na ocasião, um soldado da Polícia Militar abordou um folião do bloco que usava droga, mas houve reação. A patrulha do Batalhão de Choque interveio e houve um conflito. Por conta disso, o bloco parou. 

“Com 20 anos de idade, a gente não entendia direito e queria mostrar a força imposta, de maneira errada. Mas naquele momento ali, poderíamos ter resolvido de outra forma. Então, estou de alma lavada, Luiz Caldas. Isso sempre ficou na minha cabeça. Aí criamos problema com o Camaleão a troco de nada, por conta de agressão de um folião. Atrapalhou o show dele”, comenta. 

Fonte: Metro 1

Facebook
WhatsApp