Amargosa: Câmara de Vereadores aprova projeto de lei que declara Igrejas como atividades essenciais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

O projeto de Lei nº 001/2021, de autoria do vereador Odaque Maia, que declara Igrejas, Templos Religiosos de qualquer culto, e as Comunidades Missionárias, como atividades essenciais durante a pandemia, foi votado e aprovado por unanimidade na noite desta quinta-feira (25), pela Câmara de Vereadores da cidade de Amargosa.

Gratidão a Deus e a todos os colegas vereadores de Amargosa pela aprovação do Projeto de Lei n° 001/2021 que inclui as igrejas e templos religiosos como atividades essenciais. Em tempos tão difíceis é preciso buscar ainda mais a presença de Deus, mas é necessário também reforçar os cuidados de higiene e distanciamento para evitar que este vírus se propague”. Disse o vereador Odaque Maia.

Por isso o Projeto prevê algumas medidas que devem ser adotadas. 

I  Nível de ocupação máxima no local deve ser de 30%;

II – Obrigatoriedade de aferir a temperatura antes do ingresso no local;

III – Obrigatoriedade de uso de máscara durante todo o período da cerimônia, inclusive pelos celebrantes e assistentes; 

IV – Garantir a distância mínima de dois metros entre as pessoas;

V – Organizar uma escala de revezamento de dia ou horário de trabalho entre os empregados, colaboradores, terceirizados e prestadores de serviço;

III – Disponibilizar álcool em gel 70% a todos os membros e frequentadores;

IV – Manter os banheiros e demais locais do templo higienizados e com suprimentos suficientes para possibilitar a higiene pessoal dos membros, frequentadores empregados, colaboradores, terceirizados, prestadores de serviço;

V – Assegurar a ventilação adequada do local de realização da celebração religiosa, mantendo todas as portas e janelas abertas o todo tempo.

Recôncavo Web TV, inscreva-se!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Últimas

Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com