SAJ: Granja fica sem ração e milhares de frangos morrem de fome

O desabastecimento de produtos essenciais para a sobrevivência está alcançando níveis alarmantes. Com a greve dos caminhoneiros, que já dura seis dias, rações não chegaram nos criadouros de aves da Bahia e frangos e ganjas  começaram morrer de fome.

Neste sábado (26), Associação Baiana de Avicultura (ABA) registrou cerca de 50 mil aves mortas somente na cidade de Governador Mangabeira. O mesmo problema ocorre nos municípios de Santo Antônio de Jesus e Conceição de Feira.

A falta de alimentos provocou canibalismo e os animais começaram a se atacar nos criadouros. Caçambas e até uma retroescavadeira está sendo utilizada para retirar os animais mortos dos locais.

A ABA classificou a situação como “calamitosa” e revelou que as aves estão morrendo em questão de horas.

Ainda de acordo com a entidade, se o problema permanecer por mais tempo irá se tornar caso de saúde pública. “Não vai ter local onde descartar tantas aves mortas”.

Fonte: Bahia.ba

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Profissionalismo