SOLIDARIEDADE: Amargosenses pedem ajuda para tratamento caro de bebê recém-nascido

Familiares de um bebê recém-nascido, de nome João, pedem ajuda para tratamento caro que tem que ser feito e que os mesmos não tem condições de arcar com as despesas.

De acordo com a tia Eli Cristina Sales, o bebê teve sérios problemas de saúde após o parto, como falta de oxigênio no cérebro, entre outros e ficou 11 dias na UTI após nascer. Hoje, com sete meses, ele está fazendo fisioterapia, que infelizmente está interrompida pelo SUS, remédios caros, passando por vários médicos, tem refluxo, convulsões, epilepsia, não se move sozinho, dentre outros.

Uma Vakinha foi feita no intuito de angariar recurso para pagar todas as despesas, como exames de urgência , um custa 6.500, outro exame 200,00, uma vacina 500,00, um dos vários remédios que ele toma sempre, custa  286,00, leite que custa 80,00, fraldas, outros remédios de uso contínuo, sendo quatro remédios no total. Todos os exames e receitas estão a disposição, caso alguém queira comprovar.

Os pais do bebê moram no Tabuleiro do Córrego, zona rural de Amargosa.

Participe da Vaquinha no Link

Fonte: Criativa Online

Recôncavo Web Tv, inscreva-se!

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com