Vídeos: Moradores registram abordagens policiais violentas na Bahia durante período junino

O isolamento social orientado pelas autoridades públicas por conta da pandemia do coronavírus no país, foi desrespeitado em alguns locais na Bahia durante o período junino entre os dias 22 e 24 de junho, mesmo sem feriado. 

Além das prefeituras, a Polícia Militar foi acionada também para poder resolver os casos já que vão de encontro com os decretos estabelecidos para evitar o avanço da doença. No entanto, moradores enviaram para o BNews pelo menos duas situações em que a abordagem policial se mostrou violenta no bairro de Santa Mônica, em Salvador e no município de Santo Amaro da Purificação. 

No primeiro registro há moradores sentados na mesa em frente da própria residência em Santa Mônica, quando os policiais chegam e falam que “a gente veio aqui de tarde e falou que desgr*ça com vocês? Bora, bota essa p*rra aí para dentro”. “Bora, p*rra. Já falei com educação e agora não tem educação não. Não tem polícia p*ta aqui não, bota essa p*rra aqui”.  

Entre xingamentos e empurrões, os policiais forçam as pessoas a entrarem derrubando as mesas. 

Já na Rua do Porto, comunidade do Acupe, no município de Santo Amaro da Purificação, o cidadão leva um tapa  de um policial e cai entre as cadeiras da rua. Além disso, apanha com o cassetete e é coagido aos gritos do policial para “ir para casa”. 

Moradores ficaram revoltados e informaram a reportagem que as pessoas estavam em suas portas, só que ao lado tem um bar. “Independente do estabelecimento estar aberto ou não, não é comportamento de um policial e um profissional de verdade”, lamentou a denunciante.  

Sobre o caso de Santa Mônica, a PM emitiu o seguinte posicionamento: “A instituição orienta ao cidadão que caso ele se sinta prejudicado procure a companhia e formalize a denúncia. Se preferir, o denunciante ainda pode formalizar a sua queixa na sede da Corregedoria Geral da PMBA, no bairro da Pituba, na Ouvidoria da Corporação através do 0800 284 0011 ou no site institucional www.pm.ba.gov.br no link da Ouvidoria”. 

Em Santo Amaro, o órgão disse que o vídeo será encaminhado para a Corregedoria. 

Fonte: Bnews

Assista:

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com