UFRB: Estudante morta iria defender TCC sobre feminicídio; universidade decreta luto

Foto: reprodução rede social

A estudante universitária Elitânia de Souza da Hora, morta ontem (27) na cidade de Cachoeira, se preparava para defender seu trabalho de conclusão de curso, que tinha o feminicídio como tema principal. A informação é de reportagem da Folha. 

De acordo com a Polícia Civil, o ex-namorado da estudante, que não aceitava o fim da relação, é suspeito do crime. Ele está foragido desde a morte da estudante. 

O caso é apurado pela Delegacia de Cachoeira, que já ouviu testemunhas e faz buscas para encontrar o ex-companheiro da vítima. 

Aluna da Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), Elitânia  foi baleada por volta das 22h40, quando chegava em casa no bairro Currais Velhos. Ela chegou a ser socorrida pra um hospital da cidade, mas não resistiu aos ferimentos.

Por conta do crime, a instituição de ensino declarou luto oficial de três dias e a suspensão das aulas no Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL) hoje (28).

Fonte: Metro 1

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com