SAJ: dona do bar na Rua da Linha foi morta a marretadas; acusado desenterra corpo

Foto: reprodução

O acusado de matar a proprietária do bar Cantinho dos Amigos na Rua da Linha desenterra corpo no fundo do estabelecimento e confessa que a matou a marretadas. Acompanhado da polícia, o acusado de prenome Antônio, companheiro da vítima, está cavando o local onde enterrou o corpo de Maria Damiana dos Santos, 55 anos. Ela estava desaparecida desde o dia 01 de setembro. Após depoimento, ele foi conduzido ao bar e saiu da viatura sob gritos da população  que o chamava de assassino. A família da vítima havia suspeitado do companheiro após versões diferentes dadas por ele a respeito do sumiço de Damiana. Nesta segunda, a Polícia Civil encontrou Antônio em uma oficina e o conduziu à delegacia, onde ele confessou o crime. O corpo será removido para o Departamento de Polícia Técnica.

Fonte: Blog do Valente

Antônio, companheiro da vítima

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com