fbpx

Rui Costa admite que Leão tem causado problema ao negar acordo sobre presidência da AL-BA

governador Rui Costa (PT) admitiu, em entrevista ao BNews nesta sexta-feira (11), em Juazeiro, que o vice-governador João Leão (PP), tem causado um problema ao negar que exista um acordo para sucessão na presidência da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), que seria ocupada pelo PSD, após o pepista Nelson Leal sair do cargo. 

“Eu me lembro até de uma matéria de vocês falando sobre o acordo, tem minha foto” disse. Questionado pela reportagem se era um problema Leão negar o combinado, Rui foi enfático: “pra mim é”. “Eu participei do acordo com os representantes dos outros partidos. Acho que acordo é pra ser cumprido”, concluiu o governador.

De acordo com o que foi combinado, inclusive divulgado na imprensa, o próximo a suceder Nelson Leal seria o deputado estadual Adolfo Menezes (PSD). Porém, em entrevista ao jornalista José Eduardo, o pepista admitiu que queria se reeleger, o que, além de quebrar um acordo, seria preciso aprovar uma PEC (Proposta de Emenda à Constituição) para derrubar a lei em vigor e permitir a reeleição.

Em entrevista à rádio Metrópole, João Leão negou o acordo e disse que, caso não conseguisse aprovar a PEC e reeleger Leal, poderia tentar lançar um outro nome do PP para a disputa. O BNews apurou que esse nome seria o do deputado estadual Robinho.


Fonte: BNews

Recôncavo WebTv, inscreva-se!

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com