Polícia Civil conclui as investigações do assassinato de criança em SAJ

Foto: reprodução

A Polícia Civil de Santo Antônio de Jesus concluiu as investigações do assassinato da criança de 04 (quatro) anos de idade e a tentativa de feminicídio contra a sua mãe e encaminhou o Inquérito Policial para a Justiça Criminal. O crime deixou a população Santoantoniense e região horrorizada, causando clamor público pela crueldade como foi praticado.

O crime ocorreu no dia 12/10/2019, quando o estudante do 10º período do curso de Direito, o promotor de vendas Edilton Araújo Andrade Junior, tentou contra a vida de sua namorada, por motivo de ciúmes, alegando uma suposta traição, desferindo contra a mesma 08 (oito) golpes de faca, tipo peixeira, a qual pulou da sacada da janela do primeiro andar da residência do namorado para não morrer.

Não satisfeito, e percebendo que a sua namorada ainda estava viva, Edilton transferiu a sua raiva para a inocente a amável criança de quatro anos de idade, filho da namorada, que chorava pela mãe, desferindo absurdos 20 (vinte) golpes de faca, sendo três pela frente, na região do peito e 17 pelas costas.

Após matar a criança, Edilton foi até a sacada do prédio e, percebendo a presença da Polícia Militar, desferiu um golpe de faca em seu abdômen, que atingiu cerca de três centímetros e pulou do primeiro andar, não tendo nenhuma lesão do salto.

A Polícia Civil agiu rápido e prendeu em flagrante o acusado quando este ainda estava no Hospital, recebendo atendimento. Dois dias depois, após receber alta médica, o mesmo foi transferido para o Presídio, onde se encontra até o momento.

De acordo com as investigações, há indícios de que o crime poderia ter sido premeditado, após o acusado ter supostamente descoberto a traição de sua namorada alguns dias antes do crime, planejando e manipulando provas.

Edilton Araújo Andrade Junior foi indiciado por homicídio triplamente qualificado e feminicídio tentado.

Fonte: Polícia Civil

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com