PMs são achados mortos dentro de viatura no Rio; não havia marcas de tiro

Dois policiais militares foram encontrados desacordados na manhã deste sábado (5) dentro de uma viatura em Barra de Guaratiba, zona oeste do Rio. Eles foram levados para o Hospital Lourenço Jorge, mas morreram no local. Informações iniciais indicam que os dois não tinham marcas de tiro. Uma das suspeitas é a de que o escapamento de gás tenha vazado para dentro da viatura.

A crise financeira do estado tem deixado os carros da PM sem qualquer manutenção. O caso foi registrado na 16ª Delegacia de Polícia (Barra), que terá apoio de agentes da Delegacia de Homicídios, segundo nota da Polícia Civil.

Foi solicitada uma perícia de engenharia para o veículo. Os corpos dos PMs foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML).

A PM e a Polícia Civil não informaram se os agentes estavam numa viatura antiga ou num modelo recém-adquirido pelo estado.

O sargento Rosemberg de Jesus Príncipe, 38 anos, e o soldado Bruno Pereira dos Santos, 36, estavam lotados no 31º Batalhão da PM (Recreio). Eles foram encontrados por moradores da região desacordados no carro.

Príncipe estava há 13 anos na PM, e Santos, há cinco. O sargento era solteiro e sem filhos. O soldado deixa mulher e dois filhos.

 

Fonte: Correio 24h

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Profissionalismo