Juazeirense adere à campanha contra homofobia e Nino Guerreiro usará a camisa 24

A Juazeirense aderiu à campanha contra a homofobia no futebol. No próximo compromisso do Cancão de Fogo, neste domingo (8) contra o Atlético de Alagoinhas, pelo Campeonato Baiano, o atacante Nino Guerreiro vai usar a camisa número 24.

“Você escolhe seu número. Qualquer número, inclusive o 24. Nino Guerreiro pediu e no próximo jogo, contra o Atlético de Alagoinhas pelo Baianão, nosso artilheiro usará a camisa 24”, anunciou o clube de Juazeiro nas suas redes sociais.

No futebol brasileiro, a camisa 24 era rechaçada até então. O preconceito ganhou holofote quando o jogador colombiano Victor Cantillo escolheu o número durante a apresentação no Corinthians, no dia 10 de janeiro, e ouviu ‘não’ de um diretor do clube. Com a repercussão e aliado ao falecimento do astro da NBA Kobe Bryant que ficou marcado nas quadras jogando com essa camisa, o Bahia iniciou uma campanha e o volante Flávio foi o número 24 na partida contra o Imperatriz, no dia 28 de janeiro, pela segunda rodada da Copa do Nordeste.

Juazeirense e Atlético de Alagoinhas entram em campo no domingo a partir das 16h, no Estádio Antônio Carneiro, em Alagoinhas, pela sétima rodada do estadual. O Cancão de Fogo ocupa a terceira colocação com 10 pontos. Com dois a menos, o Carcará é o sétimo.

Fonte: Bahia Notícias

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com