Internação de Temer foi causada por cálculos renais e possível obstrução na uretra, diz Planalto

O presidente Michel Temer, 77 anos, deve passar por cirurgia para retirada de cálculos renais que estão causando obstrução urológica, na tarde dessa quarta-feira (25).

Temer passou mal no Palácio do Planalto e foi internado no Centro Cirúrgico do Hospital do Exército, em Brasília.
De acordo com o Planalto, o presidente não está acompanhado por nenhum ministro, assessor e nem pela sua esposa.
Veja a nota oficial do Planalto sobre a internação de Michel Temer:

“O Presidente Michel Temer teve um desconforto no fim da manhã de hoje e foi consultado no próprio departamento médico do Palácio do Planalto. O médico de plantão constatou uma obstrução urológica e recomendou que fosse avaliado no Hospital do Exército, onde se encontra para realização de exame e devido tratamento.
Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República”

Fonte: Bocão News

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - O site que tem a cara da Bahia