Governo da Bahia aguarda larvicida contra Aedes Aegypt para usar no “fumacê”

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) aguarda a chegada de larvicidas e inseticidadas utilizados nos carros “fumacê” para combater a proliferação do Aedes Aegypti, mosquito que transmite dengue, Chikungunya e Zika. A Bahia, com destaque para Salvador, enfrentam um surto dessas doenças juntamente com a pendemia do novo coronavírus (Covid-19).

De acordo com a pasta, o larvicida Pyriproxifem, está sendo racionado por conta da pouca quantidade no estado. A Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Divep) solicitou em fevereiro 5 mil kg do produto ao Ministério da Saúde (MS), mas teria recebido apenas 500 kg. São esperados mais 1 mil kg nos próximos dias, o que deve atender às demandas dos meses de abril e maio.

Já sobre o inseticida Malathion, a Divep informa que ainda tem estoque residual e que recebeu 2 mil litros do insumo, no último dia 6 de abril. Em nota enviada ao Varela Notícias, o Ministério da Saúde (MS) disse que foram distribuídos, até o momento, 178,1 mil litros de Malathion e 25,3 mil de Pyriproxifen aos estados de todo país.

O MS ainda informa que adquiriu 200 mil kg do adulticida CIELO-ULV, insumo que vai substituir o Malathion ainda este ano e que o produto “já se encontra em distribuição já tendo sido enviado o quantitativo de 61,7 mil litros aos estados do Acre, Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Paraná, Roraima, Amazonas, Ceará, Goiás, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins”.

O MS ainda informa que foram destinadas para as ações de Vigilância em Saúde, o que incluiu o combate ao mosquito, a verba no valor de R$ 1,74 bilhões em 2019. A quantia foi repassada mensalmente a estados e municípios.CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Uso do “fumacê”

A Disep informou que entre os dias 6 e 9 de abril houve a capacitação de técnicos que vão atuar nos carros “fumacê” nas cidades de Serrinha, Itaberaba e Feira de Santana.

Durante esta semana, os equipamentos foram acoplados aos veículos que vão fazer o serviço. A previsão é de que a partir da próxima segunda-feira (20), os carros já estejam prontos para ir às ruas.

Fonte: Varela Noticias

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com