Fim da invencibilidade: Vitória perde para o Confiança na Série B

A invencibilidade do Vitória na Série B do Campeonato Brasileiro chegou ao fim. O rubro-negro tinha chance de entrar no G4, mas lamentou a primeira derrota no torneio diante do Confiança, por 1×0, na noite desta terça-feira (1º), no estádio Batistão, em Aracaju. Com o resultado, o time se manteve na 8ª colocação, com 10 pontos. Não há risco de perder mais posições no desfecho da rodada, quarta-feira.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

Já a equipe sergipana, que amargava a zona de rebaixamento, comemorou o primeiro triunfo na competição, subiu cinco posições e agora ocupa o 13º lugar. O único gol do jogo foi marcado por Leandro Kivel, que deixou o banco de reservas e, no primeiro toque na bola, acertou um chute no ângulo que definiu o placar aos 29 minutos do 2º tempo. 

O JOGO

O Vitória entrou em campo desfalcado de três jogadores. Titulares nas últimas partidas, o zagueiro Maurício Ramos, o lateral esquerdo Rafael Carioca e o volante Fernando Neto foram vetados pelos médicos. As baixas fizeram com que Bruno Pivetti escalasse Rodrigo Andrade no meio-campo e promovesse a estreia como titular de Wallace.

A lateral foi reassumida por Thiago Carleto, que se recuperou de um desconforto muscular e deu início à primeira boa oportunidade do Vitória diante do Confiança. Ele cobrou escanteio, Eron desviou e o goleiro Jean apareceu bem para defender. A bola ainda sobrou para Léo Ceará, que bateu forte e viu a defesa adversária afastar o perigo. 

O lance registrado logo aos três minutos deu a falsa impressão de que o Leão iria com tudo pra cima dos donos da casa, mas não foi isso que aconteceu. O Vitória até começou bem o primeiro tempo, mas logo caiu de produção. A equipe apresentou muita dificuldade para criar oportunidades próximo à área do Confiança e acumulou passes errados. 

O Confiança reagiu com uma cabeçada de Bruno Paraíba, que tirou tinta do travessão. Depois, André Moritz exigiu boa defesa de Ronaldo. Na sequência, Silva cobrou falta e, após o goleiro afastar de soco, Thiago Ennes chutou de primeira, mas errou a pontaria. 

SEGUNDO TEMPO

Assim como no primeiro tempo, o Vitória também assustou no começo da etapa final. Marcelinho aproveitou saída de bola errada do Confiança e tocou para Rodrigo Andrade. O volante arriscou de fora da área e errou a meta adversária por pouco.

Na primeira boa oportunidade do Confiança no segundo tempo, melhor para Ronaldo. O goleiro rubro-negro fez mais uma boa defesa no jogo ao sair bem do gol para defender o chute de Bruno Paraíba, que entrou livre na área.

Ronaldo só não conseguiu evitar o golaço de Leandro Kivel aos 29 minutos. O atacante deixou o banco de reservas e, na primeira bola que recebeu, carimbou o ângulo esquerdo: 1×0. O Vitória buscou o empate com Léo Ceará, que parou no goleiro Jean, e Thiago Carleto, em cobrança de falta para fora.

PRÓXIMO JOGO

O Leão volta a campo no sábado (5), às 16h30, quando enfrenta o líder Cuiabá, no Barradão, em jogo válido pela 8ª rodada. No mesmo dia e horário, o Confiança visita o CSA, no estádio Rei Pelé, em Maceió. 

COVID-19 NO FUTEBOL

Técnico do Confiança, Matheus Costa não esteve à beira do campo contra o Vitória porque se recupera da covid-19. O auxiliar Zé Carlos foi quem comandou o time contra o rubro-negro baiano. 

FICHA TÉCNICA

Confiança 1×0 Vitória – 7ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

Confiança: Jean Drosny, Thiago Ennes, Nirley, Matheus Mancini e Djalma Silva; Madison (Everton), Jeferson Lima e André Moritz (Marcelinho); Ari Moura (Luan), Iago (Tiago Luis) e Bruno Paraíba. Técnico: Zé Carlos (auxiliar técnico; interino)

Vitória: Ronaldo, Jonathan Bocão (Léo), João Victor, Wallace e Thiago Carleto; Guilherme Rend (Jean), Rodrigo Andrade e Marcelinho; Mateusinho (Vico), Léo Ceará e Eron (Júnior Viçosa). Técnico: Bruno Pivetti

Estádio: Batistão, em Aracaju
Gol: Leandro Kivel, aos 29 minutos do 2º tempo
Cartão amarelo: André Moritz, Madison; Jean
Arbitragem: Douglas Marques das Flores, auxiliado por Herman Brumel Vani e Alberto Poletto Masseira (trio de São Paulo).

Fonte: Correio 24h

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com