Após empate com o Bahia Cuca é demitido do Palmeiras

A segunda passagem do técnico Cuca pelo comando do Palmeiras foi oficialmente encerrada nesta sexta-feira. Com a saída, confirmada por meio de comunicado postado no site oficial, Mano Menezes, do Cruzeiro, é o mais cotado para assumir o cargo.

Em seu último compromisso, Cuca dirigiu o Palmeiras no empate por 2 a 2 contra o Bahia, registrado na noite de quinta-feira, no Estádio do Pacaembu. Em sua segunda passagem, iniciada em maio, o técnico acumulou 16 vitórias, sete empates e 11 derrotas em 34 partidas.

De acordo com o clube alviverde, a saída do treinador, que tinha contrato até o fim de 2018, foi decidida em comum acordo entre as partes. “A Sociedade Esportiva Palmeiras agradece ao técnico Cuca pelos serviços prestados e deseja sorte no prosseguimento da carreira”, diz a nota postada no site oficial.

Campeão brasileiro em 2016, Cuca deixou o clube para resolver problemas pessoais no fim do não passado e retornou aclamado pela torcida para substituir Eduardo Baptista, em maio. Em sua segunda passagem, no entanto, o treinador não conseguiu repetir o mesmo sucesso.

Sob o comando de Cuca, o Palmeiras acabou eliminado nas quartas de final da Copa do Brasil e nas oitavas da Libertadores. Após priorizar o torneio continental, o time alviverde não conseguiu nem sequer brigar pelos primeiros lugares do Campeonato Brasileiro.

A segunda passagem de Cuca pelo Palmeiras foi marcada por um entrevero com o volante Felipe Melo, afastado por indisciplina e posteriormente reintegrado. Às 17 horas (de Brasília) deste domingo, contra o Atlético-GO, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, o auxiliar Alberto Valentim comanda o time alviverde.

Fonte: Gazeta Esportiva

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - O site que tem a cara da Bahia