Amargosa: Estudante da UFRB é presa por injúria racial e desacato a PM

Por volta das 17:00h deste sábado (04), na avenida Dr. Luiz Sande, Centro, próximo a feira, em Amargosa-BA, a estudante da UFRB, Fernanda Dantas Carneiro, foi presa em flagrante, após ter cometido crime de desacato e injúria racial.

Segundo informações da Polícia Civil, o crime teve como vítima o Soldado da PM Robson Brandão Lima, e o Estado.

Conforme relatado pela ASCOM da PC, policiais do Peto da 99a CIPM/ Amargosa, efetuavam rondas ostensivas na cidade, quando, ouviram a autora proferir a seguinte frase: “bala e fogo nas putas!”, motivo pelo qual ela foi abordada.
Durante a abordagem, a estudante passou a desacatar a guarnição e teria dito que não iria conversar com o soldado Brandão por ele ser negro.

Ante o fato, os policiais deram a ela voz de prisão, encaminhado-a à sede da Coorpin de Santo Antônio de Jesus, onde a autora proferiu outra frase injuriosa, registrada pelo IPC plantonista: “Meu Deus, vou ser presa por um negro !”.

Face ao exposto, o DPC William Achan lavrou o Auto de Prisão em Flagrante, expediu guia para exame médico legal da autora e a encaminhou para custódia no Disep de Amargosa, onde permanece à disposição da justiça.

Fonte: ASCOM da PC

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Profissionalismo