Amargosa: 11, dos 17 casos confirmados de Coronavíros já foram curados

Nessa quarta-feira (10), os profissionais da SESAU registraram 4 resultados negativos de PCR:
Idosa, 73 anos, foi atendida pelos profissionais do Centro de Enfrentamento ao Coronavírus apresentando dificuldade de respirar e dor abdominal.


Homem, 37 anos, compareceu ao Centro de Enfrentamento ao Coronavírus, apresentando febre, tosse e coriza.


Idosa, 62 anos, assintomática, procurou a Unidade de referência para o Coronavírus. A paciente teve contato próximo com paciente positivo para Covid.
Idosa, 102 anos, foi atendida pelos profissionais de saúde, cursando com dificuldade para respirar e inapetência.
Além disso, mais 4 coletas para exames laboratoriais foram realizadas:


Idosa, 90 anos, deu entrada ontem à noite no Centro de Enfrentamento ao Coronavírus apresentando falta de ar. 
Homem, 27 anos, buscou atendimento dos profissionais de saúde cursando com sintomas de dor de garganta e falta de ar há 7 dias. 
Homem, 27 anos, procurou a Centro de Enfrentamento ao Coronavírus com sintomas de tosse e dor de garganta. 


Mulher, 42 anos, referiu dor de garganta, diarreia e coriza no atendimento. A paciente informou contato com a paciente que testou positivo para Covid-19. 
Nessa quarta-feira, Amargosa registrou também a recuperação de 3 casos positivos para Covid-19:
Criança, 04 anos, filho de genitores positivos para Covid-19, apresentou sintomas compatíveis com a doença. Por se tratar de contato domiciliar, o caso foi confirmado pelo critério clínico epidemiológico.


Criança, 7 anos, contato de paciente positivo para Covid-19, buscou a Unidade de Saúde com dor de garganta.
Mulher, 30 anos, informou dor de garganta e diarréia. Referiu contato com paciente positivo para Covid-19.

Nesse momento, Amargosa possui 17 casos totais de Covid-19, 05 ativos, 11 recuperados e 01 óbito provocado pela doença.

Recôncavo web Tv, inscreva-se!

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com