Acidente entre ônibus e caminhão deixa 41 pessoas mortas em SP

Um acidente entre um ônibus e um caminhão deixou 41 pessoas mortas e mais uma dezena de feridos na manhã desta quarta-feira (25) na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho, no interior de São Paulo. 

A batida aconteceu por volta das 6h45, segundo o Corpo de Bombeiros. O ônibus levava funcionários de uma empresa têxtil para o trabalho quando aconteceu a batida, na região da cidade de Taguaí. 

Quinze pessoas foram socorridas para hospitais da região, mas o trabalho de resgate continua. “Temos um ônibus que transportava 53 pessoas de uma empresa. Ele colidiu com um caminhão. Não temos dados precisos, porque é um local de difícil acesso. Mas acreditamos que tenha cerca de 22 a 25 vítimas fatais. 15 pessoas já foram socorridas para hospitais da região e outras vítimas estão recebendo socorro, porque ficaram presas nas ferragens”, afirmou o tenente Alexandre Guedes, porta-voz da Polícia Militar, à GloboNews.

Duas pistas tiveram fluxo de trânsito interrompido por conta do acidente e do trabalho de resgate. 

Segundo o Uol, os funcionários do ônibus eram da empresa Stattus Jeans. A região tem muitas fábricas têxteis e os ônibus costumam buscar empregados que moram em cidades próximas para levar ao trabalho. A empresa não respondeu a tentativas de contato. 

A Prefeitura de Taguaí decretou luto oficial de três dias por conta do acidente. “Hoje a cidade amanheceu com a triste notícia de um acidente envolvendo um caminhão e um ônibus com trabalhadores de confecção que vinham de Itaí e Taquarituba para Taguaí. Informações mais detalhadas ainda estão sendo apuradas pelos órgãos competentes. Externamos nossos sinceros sentimentos às famílias, amigos, à empresa e colegas de trabalho destes que se foram. Dia triste”, diz comunicado publicado nas redes sociais.

Fonte: Correio 24h

Compartilhe

Copyright © Recôncavo Notícias - Jornalismo com Seriedade e Profissionalismo
O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 7e26df6359ea453aa47dceae968e99b6-1.jpg
Site Protection is enabled by using WP Site Protector from Exattosoft.com